Não podemos ignorar

É preciso empenharmo-nos todos nesta tarefa: alcançar a igualdade de género e capacitar todas as mulheres e jovens.   «Vemos, ouvimos e lemos/não podemos ignorar» – assim começa um dos poemas mais conhecidos de Sophia de Mello Breyner. E, se todos o seguíssemos, as coisas tornavam-se de certeza bem mais simples. Mas acontece que, muitas…