Reciclagem no ano novo

Janeiro 2017 / Ecomissão

 

Num acampamento de Ano Novo, os monitores decidiram dar de graça as bebidas que tinham recebido gratuitamente dos fornecedores. Os participantes puderam beber sem se preocupar. Mas também se desleixaram. Muitas latas e garrafas não eram consumidas até ao fim e o lixo ficava espalhado pelo chão.

Ao começar um novo ano, aproveita para fazer da reciclagem uma atitude constante de vida.

 

  1. Recicla material escolar – Tens fotocópias, rascunhos, bilhetinhos, embalagens de cartão que já não são necessários; tens tubos de cola já gastos; tens plásticos que sobram. Separa os materiais escolares de que não precisas e leva-os ao contentor correspondente do ecoponto. Tem em consideração que todos os materiais podem ser transformados e reutilizados.

 

  1. Higiene do planeta – Para fazeres a tua higiene precisas de produtos que te chegam nas mais diversas embalagens. A maioria é feita de plástico ou de metal. Colocando as embalagens no contentor amarelo, estás a fazer com que elas ganhem nova vida e sejam transformadas em novos produtos, como, por exemplo, T-shirts ou bicicletas.

 

  1. Limpa a despensa – Este ano experimenta ler os rótulos dos detergentes que estão na despensa. E, se for necessário, troca os que existem por outros feitos com produtos menos perigosos e mais amigos do ambiente.

 

  1. Lanches e outras refeições – O guardanapo que envolveu a sandes; a embalagem de sumo ou do leite; a lata do refrigerante; cada um dos utensílios que usas para a tua refeição têm como destino o caixote do lixo ou o ecoponto e não o chão. Pensa no alumínio, no plástico, no vidro e de como é mais rápido o seu reaproveitamento pela reciclagem do que a absorção pela Natureza.

 

  1. Saboreia o chocolate preto – O gosto também se educa. O gosto muda com o hábito. Experimenta reduzir o sal, o açúcar, as gorduras saturadas. Experimenta educar o paladar para o sabor natural dos alimentos. Consome produtos minimamente processados, o mais próximo da sua origem possível, sem aditivos químicos, como corantes artificiais, conservantes, aromatizantes, entre outros.

 

  1. Cheira a Natureza – Dá importância ao olfato. O cheiro está associado às emoções (o olfato e as emoções são processados na mesma parte do cérebro). Como cheira a tua casa, a tua rua, o teu bairro ou a tua terra, a tua escola, a tua igreja? Os cheiros bons ou maus deixam boas ou más memórias e influenciam a história de cada um.

 

  1. Cuida da sala de estar – Por mais que corramos, não podemos estar em todo o lado para ver as belezas que há no mundo. Poderás saborear esse estar bem na Natureza e na convivência com os outros na própria casa, vendo TV, navegando na Internet, lendo, ouvindo música. Podes ter um jardim ou decoração com plantas, pedras, animais… E se sais, desfruta com paixão do nascer ou por do Sol, dos sons da Natureza, das cores, da vida lá fora.
Por: Jorge Ferreira

Deixe uma resposta